Translate

terça-feira, maio 01, 2012

Vamos julgar os MENSALEIROS - Marcelo Sereno .


MENSALÃO DO LULA  "cara de pau " e os companheiros PTralhas  ,O MAIOR ESCANDALO DO BRASIL !
        E ninguém  foi PRESO !





Marcelo Sereno, ex-secretário de Comunicações do PT. Demitiu-se após o escândalo.
 
São  poucas ás informações que encontramos na WIKIPÉDIA  sobre  o MENSALEIRO Marcelo Sereno e seu envolvimento  no maior ESCANDALO DO BRASIL O " mensalão "  , mais samos  curioso e procuramos noticias que revele a verdadeira  identidade  do homem que é o BRAÇO DIREITO DE José Dirceu .

Marcelo Sereno, ex-secretário de Comunicações do PT. ... Ao lado de Delúbio Soares e MarceloSereno, foi responsável pelo saque de R$ 4.932.467,12 


Marcelo Sereno foi assessor do ex-ministro José Dirceu e dirigente nacional do PT. Ele esteve envolvido no mensalão, foi acusado de desviar recursos de fundos de pensão, virou secretário de uma prefeitura petista e tentou, sem sucesso, ser deputado. Até que desistiu da vida pública e abriu uma consultoria. Mas ninguém sabe até hoje se obteve sucesso na nova empreitada. Nem mesmo a Receita Federal. Agora, Sereno é alvo de uma investigação no Supremo Tribunal Federal (STF) sob a suspeita de sonegação de impostos. Seus sigilos fiscal e bancário foram quebrados. Os papéis revelam rendimentos modestos, aparentemente incompatíveis com seu estilo de vida.
Sereno morou a partir de 2006 numa cobertura alugada na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, com quatro vagas na garagem. O aluguel, segundo corretores, não sai por menos de R$ 4 mil. Em 2008, Sereno declarou rendimento anual de R$ 46.400, recebido exclusivamente de sua consultoria. Ou seja, menos de R$ 4 mil por mês. Desde 2009 Sereno mora em apartamento próprio. 
Em novembro de 2008, Sereno virou presidente da companhia Grandiflorum Participações, criada pelo Grupo Andrade Magro, do setor de combustíveis. Um mês depois, a companhia comprou por R$ 7 milhões a Refinaria de Petróleo Manguinhos, que, no exercício seguinte, faturou R$ 320 milhões. No fim de 2009, Sereno deixou a empresa. Mesmo depois de ele passar a ser remunerado como alto executivo de uma grande empresa, nada aconteceu com seu patrimônio. Pelo menos perante a Justiça Eleitoral. Em 2009 (ano-calendário 2008), ele declarou à Receita um total de R$ 280.900. Em 2010, como candidato, declarou os mesmos R$ 280.900 à Justiça Eleitoral.
“Fui contratado em 17 de dezembro de 2008 e comecei a receber em janeiro de 2009. Portanto, só declarei (à Receita) os rendimentos da empresa em 2010”, diz.
As investigações sobre Sereno começaram a partir de um inquérito da Polícia Civil do Rio de Janeiro para apurar corrupção na Agência Nacional de Petróleo (ANP). Segundo a polícia, Sereno usava de sua influência no PT para beneficiar o grupo Magro. O relatório não detalha as andanças de Sereno no mundo político, mas informa que o grupo Magro obteve decisões favoráveis na ANP no período em que ele esteve por lá. A empresa conseguiu postergar por mais de um ano o cancelamento do registro de uma distribuidora. Obteve também o direito a comercializar uma quantidade maior de gasolina no mercado. E recebeu o aval para importar, em caráter excepcional, um material exclusivo da indústria química. FONTE REVISTA ÉPOCA 


Ex-assessor especial do mensaleiro José Dirceu (deputado federal do PT cassado por corrupção) na Casa Civil da Presidência da República no primeiro mandato de Lula, o candidato derrotado a deputado federal Marcelo Sereno (PT-RJ) é o novo secretário de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Petróleo de Maricá. A  secretaria deverá administrar os R$ 20 milhões de royalties  que a cidade fluminense passará a receber, por mês, a partir de dezembro, pela extração do pré-sal no campo de Tupi, na Bacia de Santos. 


            Todos os PTralhas CORRUPTOS viraram CONSULTORES , encontraram uma forma de encobrir suas FALCATRUAS , e o desvio ( roubo )  de dinheiro publico  .  


                                                          SE LIGA BRASIL 

          POLITICO BOM É POLITICO PRESO