Translate

segunda-feira, dezembro 23, 2013

Os CRIMES de Renan ,e seus CABELOS .




CASO DO LARANJAL ALAGOANO 

  •  Fonte revista VEJA 
  • Envolvimento
    Em 1998, Renan Calheiros planejava se candidatar ao governo de Alagoas, mas sabia das resistências de um ex-aliado, o ex-presidente Fernando Collor, que lhe fazia oposição por meio de suas emissoras de rádio, TV e do maior jornal do estado, a Gazeta de Alagoas. VEJA revelou em 2007 que Renan tentou montar sua própria rede de emissoras a partir das outorgas de concessões públicas garimpadas em Brasília. Por meio de contratos de gaveta, comprou duas emissoras de rádio e um jornal em nome de laranjas e em sociedade oculta com o usineiro João Lyra, sogro de Pedro Collor. Os pagamentos foram feitos com dinheiro vivo, parte em dólar, parte em real.
    O que aconteceu
    A sociedade secreta com Lyra durou de 1999 a 2005. A partir daí, Renan e Lyra tornaram-se adversários. Quando o caso veio à tona, Renan tentou desqualificar o usineiro, dizendo que ele responde a diversos processos e que fez as denúncias motivado por ressentimento. Segundo a versão do senador, ele recebeu de fato a proposta de venda de um grupo de comunicação e apenas a encaminhou a João Lyra. O caso levou Renan pela segunda vez a julgamento em plenário. O senador foi outra vez absolvido por seus pares. Na mesma sessão, deixou a presidência da Casa. Mas ainda não se livrou da Justiça. É alvo de inquérito no STF, que corre em segredo de Justiça.
    Atualizado em 17/04/2012



CASO MÔNICA VELOSO
    •  Fonte revista VEJA 
  • Envolvimento
    Ao longo de 21 meses, o senador e então presidente da Casa, Renan Calheiros, pagou 400 000 reais de pensão à jornalista Mônica Veloso, através do lobista de uma empreiteira, segundo perícia da Polícia Federal. Renan reconheceu que usou os serviços do lobista, mas disse que o dinheiro lhe pertencia e mostrou suas declarações de renda para comprovar renda advinda da pecuária.
    O que aconteceu
    O caso levou ao primeiro processo no Conselho de Ética contra Renan. O senador afastou-se da Presidência, mas escapou da cassação - duas vezes -, em votação secreta. Para tanto, contou com a ajuda do governo e não mediu esforços para constranger e chantagear aliados e adversários. Embora absolvido pelos pares, Renan não se livrou da Justiça. Em 2010, o STF aceitou pedido da Procuradoria-Geral da República e abriu inquérito para investigar o senador por improbidade administrativa e tráfico de influência. O caso corre sob segredo de Justiça e tem como relator o ministro Ricardo Lewandowski. Em 2011, o Ministério Público Federal em Brasília abriu inquérito para apurar o pagamento da pensão alimentícia da filha de Renan pelo lobista Cláudio Gontijo. Em janeiro do ano seguinte, o MP encaminhou uma denúncia ao STF contra o senador pelos crimes de falsidade ideológica, uso de documentos falsos e peculato. De acordo com o parecer, Renan apresentou, em 2007, notas fiscais frias relacionadas à venda de bois. O parecer da promotoria fora pedido pelo próprio Supremo. Em fevereiro de 2013, foi alçado por seus pares à presidência do Senado.
    Atualizado em 01/02/2013


CASO SCHINCARIOL
    •  Fonte revista VEJA 
  • Envolvimento
    VEJA revelou que a Schincariol comprou uma fábrica da família de Renan por um preço exorbitante. Em troca, o senador pressionou para que a Receita e o INSS não executassem os débitos fiscais da cervejaria.
    O que aconteceu
    O caso levou à abertura do segundo processo contra Renan no Conselho de Ética, mais tarde arquivado.
    Atualizado em 17/04/2012


GOLPE NO INSS
    •  Fonte revista VEJA 
  • Envolvimento
    Conforme depoimento de Bruno Lins, seu padrinho de casamento, o senador Renan Calheiros, negociou com aliados do PMDB uma maneira de beneficiar o banco BMG no serviço de concessão de crédito consignado para os aposentados da Previdência. Em troca, o banco pagou propina aos envolvidos.
    O que aconteceu
    A revelação provocou a abertura do quarto processo contra Renan no Conselho de Ética, depois arquivado. Até hoje não se sabe como o BMG conseguiu construir uma carteira de empréstimos consignados de fazer inveja às grandes instituições financeiras. A oposição tentou criar a CPI do Crédito Consignado, mas ela nunca foi instalada.
    Atualizado em 17/04/2012




Começamos está postagem com a apresentação da FICHA CRIMINAL do PRESIDENTE DO SENADO da REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL , Renan Calheiros-PMDB-AL (QUADRILHA).   Queremos aqui amostrar aos BRASILEIROS e BRASILEIRAS , COMPANHEIROS e COMPANHEIRAS  do que é feito o nosso parlamento . 

 Na última quarta- feira o presidente do senado BRASILEIRO saiu do congresso pegou um JATINHO da Força Aérea Brasileira -FAB ,e voou para Recife e deu CARONA  à mais 4 amigos .  O senador Renan Calheiros , tinha agendado uma cirurgia de IMPLANTE DE 10 MIL FIOS de CABELO .  
       O presidente do senado BRASILEIRO partiu no dia 18 às 22h15 e chegou a Recife às 23h30 , a cirurgia aconteceu no outro dia . 
         
  Nesse mesmo ano em junho o presidente do senado  BRASILEIRO  voou de JATINHO da FAB para assistir um casamento da filha do colega Eduardo Braga -PMDB-AL (QUADRILHA)  em Trancoso  no estado da Bahia .  

    Do que é feito o nosso parlamento queridos leitores e amigos  ? 

DE BANDIDOS . 

    Sim , de BANDIDOS  .  O CRIME CONTRA O POVO BRASILEIRO aconteceu dia 18 , o jornal Folha de São Paulo  publicou a meteria no sábado dia 21 ,  hoje é 23 terça-feira e nenhum politico se manifestou contra o presidente do senado BRASILEIRO Renan Calheiros . 
  E nós brasileiros acreditando que nesse parlamento de BANDIDOS exista alguma OPOSIÇÃO à esse GOVERNO QUE TOMOU DE ASSALTO O PALÁCIO DO PLANALTO .  A verdade é que o GOVERNO e a  OPOSIÇÃO ,  É TUDO FARINHA DO MESMO SACO , TODOS SÃO CÚMPLICES DOS CRIMES QUE PRATICAM CONTRA O POVO BRASILEIRO . 
   A  FOME mata em nosso país a EDUCAÇÃO é uma ''MIERDA'' , A SAÚDE não existe , o nosso saneamento BÁSICO representa apenas 46% do território nacional ( estou sendo generoso ) , milhões de BRASILEIROS estão com FOME e SEDE no NORDESTE a mais de um ano .  Pagamos para os políticos BANDIDOS  altos salários e MUITAS MORDOMIAS e mesmo assim não satisfeitos  na calada da noite eles aplicam golpes contra nós BRASILEIROS .  
   O dinheiro que deveria ser aplicado para melhorar a condição de vida do cidadão BRASILEIRO e ajudar os MAIS necessitados é desviado para custear  MORDOMIAS para esses BANDIDOS . 

 E o mais engraçado nesse BRASIL é que eles ROUBAM NA MAIOR CARA DE PAU E NÃO VAI PRESO , RIEM DA NOSSA CARA .

 O BRASIL MUDOU NESSES ÚLTIMOS 12 ANOS MEUS QUERIDOS LEITORES E AMIGOS , DEIXAMOS DE TER POLÍTICOS DE ''MIERDAS'' PARA TER POLÍTICOS BANDIDOS .

  VAMOS PAGAR ESSA CONTA DO RENAN TAMBÉM , E FICAMOS NO SILÊNCIO .  

BRASIL UM PAÍS GOVERNADO POR CORRUPTOS !